Como calcular quantidade de azulejos para revestir o banheiro

Medir a área que se quer revestir é o primeiro passo

Medir a área que se quer revestir é o primeiro passo

Uma dúvida muito frequente na hora de comprar cerâmicas e revestimentos é saber fazer o cálculo correto da quantidade de azulejos ou pisos que será necessária. Apesar disso, a tarefa é simples e só requer trena, papel e caneta e um pouco de atenção.

O primeiro passo é medir a área que se quer revestir – se pretende utilizar materiais diferentes no piso e paredes, vale a pena sempre separar as medidas – isso ajudará na hora de calcular considerando a diferença de tamanho entre peças cerâmicas diferentes.

Hoje em dia, é muito comum evitar revestimentos até o teto, revestindo em maior altura somente a área do box – se for esse o seu caso, considere a altura de 1.90 mt (medida padrão para a área molhada) e a altura que desejar para a parte seca. Com a medida da área em mãos, calcule mais 10% para as perdas, mais 5% caso opte por paginação diagonal (implica em mais recortes e mais perdas) e mais 5% a 10% se pretende utilizar a própria cerâmica para o rodapé.

Com a área em mãos, decida a peça cerâmica que deseja utilizar no piso ou parede – apesar de virem com preço a metro quadrado, a maioria delas é vendida em caixas com metragem pré-definida. Por isso é necessário dividir a metragem total pela metragem que vem em cada caixa e ter assim o número de caixas que você deverá comprar.