O que é nanoglass e marmoglass?

A tecnologia chegou aos computadores, casas, e claro – às pedras. Com o uso indiscriminado de recursos naturais, a construção civil precisou começar a pensar em recursos que agradem aos olhos e a natureza.

Foi assim que surgiram as pedras “sintéticas”, feitas a partir de compostos com vidros, manufaturadas pelo homem, que tem a beleza das pedras naturais, resistência e são mais ecológicas, como é o caso do nanoglass e marmoglass.

Ambos são compostos muito parecidos, que podem ser utilizados para revestimentos de pisos, paredes ou para confeção de pias, banheiras, tampos, entre outros. A principal diferença entre o nanoglass e o marmoglass é que o primeiro tem mais maleabilidade, e portanto é mais recomendado quando se é necessário trabalhar a pedra com mais precisão.

Uma das principais vantagens desse material é que eles produzem um efeito bastante homogêneo, ao contrário dos mármores e outras pedras que tem imperfeições e manchas naturais. Banheiros com nanoglass ou marmoglass ficam sempre muito clean, modernos e com visual sofisticado, confira:

Banheiro com bancada feita em nanoglass e marmoglass

Banheiro com bancada feita em nanoglass e marmoglass

Pia em marmoglass oculta o ralo

Pia em marmoglass oculta o ralo

Revestimento do banheiro todo feito em nanoglass

Revestimento do banheiro todo feito em nanoglass

Banheira com bordas em nanoglass

Banheira com bordas em nanoglass

Banheiro tem pisos e revestimentos em nanoglass

Banheiro tem pisos e revestimentos em nanoglass

Piso e e paredes de madeira no banheiro

Quem ama o aspecto natural da madeira, já pode ter cogitado utilizar mais desse material na decoração. Mas no imaginário de todos nós, se tem duas coisas que não combinam é madeira e água.

Muitas pessoas perguntam sobre a possibilidade do uso de madeiras em áreas mais úmidas – e podem se surpreender com a resposta. Pensem nos navios e caravelas antigos feitos em madeira e verá que a combinação não pode ser tão horrível assim.

No entanto, ao contrário de outros materiais, a madeira deve evitar sim ser lavada com água em excesso, como se faz com pisos frios, e requer mais manutenção. No entanto, algumas madeiras (mais duras e mais resistentes à ação da água) devidamente tratadas com vernizes e protetores podem funcionar muito bem no banheiro.

Veja as ideias e se surpreenda com muitos usos da madeira no banheiro:

Banheiro com piso e revestimento de madeira

Banheiro com piso e revestimento de madeira

Bancada, piso e forro de madeira no banheiro

Bancada, piso e forro de madeira no banheiro

Medo da umidade? Use madeira no lavabo

Medo da umidade? Use madeira no lavabo

Combine piso porcelanato com revestimento de madeira

Combine piso porcelanato com revestimento de madeira

Divida o piso reservando a área seca para madeira no banheiro

Divida o piso reservando a área seca para madeira no banheiro

Se joga: Neste banheiro a madeira ripada fica sobre o box e permite escoamento

Se joga: Neste banheiro a madeira ripada fica sobre o box e permite escoamento

Piso vinílico para banheiro

Já considerou fugir dos tradicionais pisos e porcelanatos pra revestir seu banheiro? Então comece a pensar no piso vinílico. Além de mais econômico, ele é resistente a água e pode ser colocado em seu banheiro – com exceção da área do box.

Possui diversos tipos, desde os que imitam com primor a madeira, até os lisos ou com temática infantil para as crianças. As vantagens são imensas: antichamas, antibacteriano, atérmico, ecológico e econômico.

Muito indicado para casas com crianças por ser higiênico, fácil de limpar e ainda ser atérmico, os pisos vinílicos aceitam bem recortes, mas precisam ser instalados em superfícies lisas, pois falhas no contrapiso afetam a instalação e durabilidade. Feito com materiais reciclados, tem se tornado bastante popular. São vendidos em placas ou mantas, e são aplicados com cola, sem necessidade de argamassa.

Veja alguns exemplos de banheiros feitos com piso vinílico:

Banheiro com piso vinílico

Banheiro com piso vinílico

Piso vinílico amadeirado no banheiro

Piso vinílico amadeirado no banheiro

Piso vinílico azul criou personalidade ao banheiro

Piso vinílico azul criou personalidade ao banheiro

Piso vinílico imitando madeira no banheiro

Piso vinílico imitando madeira no banheiro

Como trocar pisos e revestimentos sem quebrar

Normalmente, quando precisamos reformar um banheiro ou mesmo outra área que tenha pisos e/ou revestimentos cerâmicos, a parte mais sofrida do processo é quebrar tudo.

Além do entulho gerado, pouco ecológico, os gastos para quebrar, a sujeira, o barulho e os custos a mais são grandes vilões. Por isso, muitas pessoas se perguntam se é possível trocar pisos e revestimentos sem quebrar.

A resposta é sim, desde que sejam tomados os cuidados necessários. A única desvantagem da técnica, entretanto, é que ela cria uma elevação no piso, uma vez que a argamassa e o piso (ou revestimento) irão adicionar espessura ao chão ou à parede. Se isso não for um problema em sua reforma, fique de olho nessas dicas.

Como trocar piso e revestimento sem quebrar

Como trocar piso e revestimento sem quebrar

A primeira ação é verificar o estado do piso ou revestimento: infiltração, peças soltas ou faltando deverão ser reparadas, pois podem prejudicar a aplicação. Depois é necessário uma limpeza cuidadosa, lavando com água em abundância a superfície – sujeiras ou pequenas poeiras irão fazer com que a nova instalação não fique aderente.

O passo final e mais importante é comprar uma argamassa especial de piso sobre piso que irá permitir que o novo revestimento ou piso fique colado como se a instalação fosse realizada sobre concreto. A partir daí, o procedimento é a aplicação convencional de argamassa e assentamento do piso ou revestimento, que pode ser adicionado em qualquer tipo de paginação desejada.

O que é Corian e como ele pode fazer a diferença em seu banheiro

O Corian® é um material patenteado pela empresa Dupont, produzido a partir da combinação de acrílico com mineirais naturais. Além de ser uma opção ecológica, sua composição sintética oferece alta resistência e durabilidade – mas acredite, esse não é nem de longe o ponto mais atrativo do material.

Por ser mais maleável, o principal atributo do Corian® é que ele permite compor pias, bancadas e recortes com o próprio material, sem emendas aparentes. Cru ou pigmentado – sendo vendido em até 24 opções de cores possíveis, outro grande trunfo é seu baixo índice de contaminação, já que vem com proteção antibacteriana – tornando-o bastante higiênico.

Com tantas vantagens, algumas pessoas podem ser perguntar porque ele não é mais popular: o grande problema está exatamente no fato dele ser uma tecnologia patenteada o que faz sem concorrentes desde 1967 – quando foi lançado nos EUA.

Revestimentos, bancadas e pias feitas com o Corian ainda tem outro benefício: por não ser uma pedra, ele tem uma sensação termoagradável ao toque. Apesar de não ser poroso e nem contrair manchas com facilidade, deve ser usado para revestimentos mas evitado para pisos ou rodapés uma vez que tolera pouco o tráfego.

Veja algumas ideias de banheiros feitos com Corian:

Revestimento e piso do box feitos com Corian

Revestimento e piso do box feitos com Corian

Pias feitas com Corian dão charme aos banheiros

Pias feitas com Corian dão charme aos banheiros

Pia do banheiro feita com Corian

Pia do banheiro feita com Corian

Banheira revestida com corian

Banheira revestida com corian

Acabamento de pias com Corian dispensa ralos

Acabamento de pias com Corian dispensa ralos

Granilite no banheiro

Granilite polido lembra o caríssimo silestone

Granilite polido lembra o caríssimo silestone

O granilite é um revestimento feito a partir de resinas cimentícias misturadas a um composto de pedras naturais moídas, é versátil, econômico, durável e resistente, além de poder ser utilizado para revestir pisos, paredes e até bancadas.
Por todas essas características, o granilite é uma ótima ideia para revestir seu banheiro. Com efeito granulado visível, é possível escolher entre várias coisas para a resina cimentícia. São produzidos nas versões fulget ou polido, e como são aplicados em sua forma líquida, antes da resina secar, podem criar paginações e efeitos inimagináveis.
 Veja abaixo ideias para a aplicação do granilite em banheiros:
Bancada da pia revestida de granilite

Bancada da pia revestida de granilite

Banheiro em tons pastéis com piso e revestimento em granilite

Banheiro em tons pastéis com piso e revestimento em granilite

O granilite pode ser usado com criatividade para criar efeitos diferentes

O granilite pode ser usado com criatividade para criar efeitos diferentes

Piso do banheiro feito com granilite

Piso do banheiro feito com granilite

Piso de granilite preto no banheiro

Piso de granilite preto no banheiro

Revestimento do banheiro com placas de granilite

Revestimento do banheiro com placas de granilite

Banheiros verdes: idéias para decoração

O verde é uma cor que acalma, tranquiliza. Em muitas tonalidades diferentes, remete à natureza e a limpeza, por isso é uma ótima escolha para pintar ou revestir a parede do seu banheiro.

Banheiro em verde claro com madeira

Banheiro em verde claro com madeira

Seu banheiro verde pode ter aspecto mais delicado, utilizando os tons mais claros e pastéis, que transmitem sensação de limpeza e tranquilidade, ou podem ter tons mais escuros para quem for mais ousado. Se esse for seu caso, aposte no verde esmeralda, cor pantone do ano.

No banheiro, pastilhas verdes combinam com pisos que imitam madeira

No banheiro, pastilhas verdes combinam com pisos que imitam madeira

Os tons de verde no banheiro combinam com praticamente todas as texturas, mas pedem combinações mais neutras: branco, preto, marfim, chumbo ou amadeirado. Uma ótima combinação são pastilhas verdes e porcelanato imitando madeira – e uma ótima maneira de trazer a natureza como elemento na decoração de seu banheiro.

Pintar as paredes de verde é um jeito rápido e fácil para trazer verde ao seu banheiro

Pintar as paredes de verde é um jeito rápido e fácil para trazer verde ao seu banheiro

Tem medo de enjoar? Use o verde em elementos decorativos do seu banheiro

Tem medo de enjoar? Use o verde em elementos decorativos do seu banheiro

Vários tons de pastilhas podem ser combinados no seu banheiro verde

Vários tons de pastilhas podem ser combinados no seu banheiro verde

Banheiros com pisos de ardósia

A ardósia é uma pedra natural, muito popular em alguns estados brasileiros, como Minas Gerais – durabilidade e preço são aspectos que torna a pedra bastante desejável. As pedras de ardósia são geralmente mais escuras, puxando para tons de cinza, verde e ferrugem – mais raramente são encontradas em tons avermelhados.

São extremamente duráveis e podem ter acabamento natural – mais fosco – ou polido, mais incomum mas também bastante bonito. Normalmente são mantidas com tratamento de ceras, que com o tempo pode necessitar de raspagem.

No entanto, não a subestimem: além da durabilidade já comentada, a ardósia é bastante impermeável e resistente a umidade. Porém, deve-se tomar cuidado dobrado nas áreas molhadas: por ser um pedra bastante lisa se torna muito escorregadio.

Veja como a ardósia pode funcionar bem revestindo seu piso:

Ardósias também pode vir em tons de ferrugem

Ardósias também pode vir em tons de ferrugem

Banheiro com piso, revestimento e bancada em ardósia

Banheiro com piso, revestimento e bancada em ardósia

Peças com tamanhos diferentes também valorizam a ardósia

Peças com tamanhos diferentes também valorizam a ardósia

Piso de ardósia com brilho

Piso de ardósia com brilho

Cortiça no revestimento de pisos e paredes

As folhas de cortiça são populares como material de isolamento, uma vez que utilizam as propriedades naturais da cortiça para um melhor proveito. A cortiça oferece isolamento superior de desempenho e tem ampla aplicação em muitos aspectos da indústria da construção. As placas de isolamento de cortiça são utilizadas como isolamento e invólucro exterior, podem ser integradas em ambos os sistemas de parede como em sistemas de telhado.

Banheiro com revestimento de cortiça

Banheiro com revestimento de cortiça

O papel da cortiça em seu ambiente natural é a de proteger o sobreiro das alterações de temperatura e de regular as condições de umidade e calor. Esta função como uma camada de isolamento é suportada pela estrutura celular da cortiça em favo de mel. A cortiça é um material orgânico, leve e mostra um desempenho superior para isolamento térmico e acústico. Mesmo sob condições extremas, as folhas de isolamento de cortiça não formam pontes de calor. Além disso são hiporalegênicas.

Cortiça pode ser instalada facilmente, por colagem ou fixação mecânica. Sendo um material macio, as folhas de cortiça podem ser cortadas facilmente de diferentes formas.

Cheia de vantagens, né? Mas uma coisa que pouca gente sabe é que a cortiça pode sim ser utilizada em banheiros. Deixando efeito sofisticado e de fácil instalação, podem ser aplicadas diretamente no concreto ou mesmo colada sobre os azulejos. Apenas se recomenda o uso de água incisivo em cima da peça, ou seja, esqueça a aplicação dentro do box.

No entanto, considere usar a cortiça  para as áreas menos molhadas e ganhe uma mudança fácil, econômica, sustentável e ainda por cima sofisticada para seu banheiro.