Como refazer a pintura do azulejo

Já falamos aqui no blog algumas vezes sobre a pintura de azulejos, que pode ser uma maneira econômica e rápida de mudar o banheiro. O problema pode ser depois, com o tempo, quando você quer mudar a pintura, remover ou acredita que a pintura precisa de um retoque.

Repintura de azulejo

Repintura de azulejo

Um pouco mais trabalhoso que o processo da pintura, repintar os azulejos buscando o melhor efeito na maioria das vezes requer a remoção da tinta. O primeiro passo é fazer o teste de resistência da tinta – aplique uma pequena porção de tinta epóxi que deseja utilizar e espera a secagem completa.

A superfície deve ficar completamente lisa, do contrário, qualquer sinal de rugas implica em necessidade de remover através de raspagem com espátula e removedor a tinta anterior. Após o processo é necessário lavar as paredes e esperar a secagem completa. Se a pintura que cobriu o azulejo antigo ficou intacto, então é recomendado passar a lixa sobre a parede, para melhorar a aderência.

Com isso, a aplicação da nova tinta epóxi deve ser feita de maneira tradicional, seguindo os passo a passo do fabricante. Quer saber mais? Acesse nosso post sobre “Como fazer pintura de azulejo“.

Banheiros pretos: decoração ousada para o banheiro

O preto voltou com tudo na decoração, embora nunca tenha se afastado totalmente dos banheiros – principalmente graças aos granitos. Agora ele volta com tudo em tintas de parede, revestimentos, papéis de parede e acessórios.

Banheiros em preto são muito sofisticados, conferem ousadia e modernidade à decoração. Louças sanitárias pretas também podem ser usadas para trazer a cor (ou a ausência dela para o seu banheiro).

Veja as melhores ideias decoração de banheiros pretos:

Banheiro com revestimentos em preto e bancada em grafite

Banheiro com revestimentos em preto e bancada em grafite

Banheiro preto com papel de parede

Banheiro preto com papel de parede

Parede preta e muitos quadros no baheiro

Parede preta e muitos quadros no baheiro

Tinta preta e revestimento no banheiro

Tinta preta e revestimento no banheiro

Papel de parede preto no banheiro

Papel de parede preto no banheiro

Banheiro preto luxuoso

Banheiro preto luxuoso

Dicas para aplicar tinta epóxi no revestimento

Mais forte e mais durável, a tinta epóxi é adequada para pintura de pisos (ou qualquer outra superfície), onde haja necessidade de reforço extra para as ações de umidade e corrosão. Com mais aderência do que as tintas tradicionas, a “tinta” epóxi é na verdade uma resina que permanece mesmo em superfícies de baixa porosidade, como é o caso dos revestimentos cerâmicos. Amplamente utilizado por indústrias, seu uso tem sido expandido para uso em residências e outros locais.

Dicas para pintar banheiro com epóxi

Dicas para pintar banheiro com epóxi

A aplicação de tinta epóxi pode ser feita por você se realizada em um ambiente menor, no entanto, o ideal é que este trabalho seja feito por profissionais qualificados, que tenham experiência da pintura.

Uma outra dica importante é que a tinta epóxi não vem pronta, na maioria das vezes. Salvo produtos especiais (e mais caros no mercado), que já vem preparados, a maioria das resinas é composta por dois componentes: tinta e catalisador. Antes da aplicação, porém, a mistura deve ser realizada seguindo instruções do fabricante.

Quando homogeneizadas, as misturas a base de epóxi devem descansar de 20 a 30 minutos, e pode ser necessário o acréscimento de um diluente, de acordo com o produto utilizado. É necessário observar, porém, que a mistura pronta tem vida útil curta e por isso deve ser feita aos poucos para que não se perca o material. Durante a aplicação, se algum respingo cair, faça a limpeza imediata, antes que a resina seque.

Por fim, observe o clima local e a ventilação do ambiente no que diz respeito a secagem do produto. Para banheiros pequenos e sem ventilização pode ser recomendado o uso de ventiladores ou outro equipamento que favoreça a renovação do ar.

Piso em resina de poliuretano

Quer um efeito diferente no seu banheiro? Considere o revestimento de pisos e paredes com resinas de poliuretano – uma efeito bonito e de rápida aplicação, de resultado moderno para o seu banheiro.

Piso de resina no banheiro

Piso de resina no banheiro

As resinas de poliuretano podem ser aplicadas em banheiros, cozinhas e pisos e paredes de toda a casa. Podem ter acabamento fosco, brilhante ou mesmo trazerem desenhos. Por ser muito liso, não pode ser utilizado na área do chuveiro, evitando assim quedas.

As vantagens são a instalação sobre qualquer superfície, uma vez que as resinas são autonivelantes, e dispensam inclusive contrapisos. Utilizados em banheiros pequenos podem criar sensação de amplitude uma vez que sua aplicação é continua e não exige juntas de dilatação. O fato de poderem ser aplicadas também nas paredes, teto e bancdas ajuda a essa sensação de amplitude.

Como renovar pisos e revestimentos sem quebrar

Já passou da hora de mudar o piso da sua casa, mas só de pensar o orçamento ou o estresse de enfrentar uma reforma, dá vontade de adiar a ideia? Saiba que a obra em si não é a única maneira de resolver o problema.

Reforme o banheiro sem quebradeiro

Reforme o banheiro sem quebradeiro

Em banheiros pequenos, um bom recurso pode ser optar por alguns capachos ou tapetes, minimizando a área exposta do piso, o uso de peças de deck de madeira sobre o piso ou as técnicas que mencionaremos a seguir. Para os revestimentos, entretanto, as opções mais comuns são a pintura dos azulejos, os adesivos ou a colocação de azulejos sobre azulejos.

Essas técnicas já foram exploradas em nosso site nos posts Como aplicar azulejo sobre azulejo, Parede lisa: esconder azulejos com massa e pintura, Como aplicar pastilha adesivadaTinta epóxi para pintura de azulejos: tire suas dúvidas, Como fazer pintura de azulejo,  Além dessas técnicas, se houver possibilidade de aumentar a altura do contrapiso, a aplicação de resinas de poliuretano ou granilite.

Parede lisa: esconder azulejos com massa e pintura

Revestimentos em todo o banheiro tem se tornado coisa do passado. Cada vez mais vemos belos banheiros projetados restringindo o uso dos azulejos. Se esse faz seu estilo, mas você foge de uma quebradeira, é possível uma solução mais simples, econômica e elegante.

Com massa e pintura, é possível fazer uma transformação completa no banheiro sem todas as dores de cabeça de uma “reforma convencional”. Tornar a parede de azulejos uma superfície lisa não é um processo tão difícil: com o material certo e planejamento.

Para ocultar os relevos da peça cerâmica e os rejuntes entre a peça, o primeiro passo é fazer a limpeza da parede com detergente neutro e esperar até que esteja completamente seca. Em seguida, aplicar a massa acrílica, que ao contrário da massa corrida, comumente usada para paredes de alvenarida, adere à superfície cerâmica.

Aguarde secar e daí para frente o processo é o mesmo de uma parede convencional: lixar e pintar. Eventualmente, a primeira camada da massa pode não deixar a parede totalmente lisa, nesse caso, é só lixar e aplicar uma segunda vez a massa, antes da tinta.

Veja como a transformação pode mudar radicalmente seu banheiro:

Antes e Depois: pintura de azulejo com massa

Antes e Depois: pintura de azulejo com massa

 

Qual tinta usar para pintar azulejos?

Repintura de azulejo

Repintura de azulejo

Ao optar por uma pintura de azulejos, é possível escolher diversas opções de tinta no mercado. As mais comuns são os esmaltes epóxi ou as tintas acrílicas para pintura de pisos ou azulejos.

A escolha entre uma dessas tintas dependerá dos seguintes fatores:

  • Uso do banheiro
  • Exposição à umidade
  • Tipo de acabamento desejado
  • Tipo de tráfego (no caso de pisos)

A tinta acrílica para azulejos é indicada para os ambientes com menor uso, pois tem sua durabilidade comprometida em casos de muita umidade. Banheiros com pouca circulação de ar e frequentemente usados para banhos quentes que promovem muito vapor. Por outro lado, é de aplicação mais simples e é mais barata que o époxi. Na maioria das vezes é vendida como um monocomponente.

No caso da tinta epóxi, é possível encontrar o produto em diversas variações. Podem ser vendidas como conjuntos de compostos separados: esmalte e catalisador, ou também como monocomponentes.

Embora de aplicação mais complexa, a tinta epóxi é mais resistente à abrasão – ou seja – desgastes provocados pelo atrito. Isso significa que ela resiste melhor em ambientes de maior tráfego, e portanto, mais indicada para pinturas de piso.